poestesia

imerso neste imenso mar de gente
às vezes penso que meu verso onipotente
pode quebrar a corrente de tanta falta de senso

então paro, penso e percebo
que o feito máximo do meu verso
não passa de um efeito placebo